Nintendo mais dark em 2010.

15 01 2010

Sinal dos tempos ou busca por novas experiências?

Os jogos que mais lembrados nos sistemas Nintendo são sempre os da própria, tais como Mario, Animal Crossing, Smash Bros, Donkey Kong.  Jogos considerados “adultos” nos consoles da Nintendo normalmente saem das mãos das softhouses como SEGA, Capcom, EA, dentre outras, títulos como Metal Gear(que deu uma passada pelo Cube), Bully, Dead Space, Dementrium the Ward, Mad World, House of Dead,  Resident Evil (que já tem 5 títulos no Wii), Silent Hill, Oneechan Bara são alguns deles.

Agora a própria Nintendo lançar títulos assim é coisa rara de se ver. Dos títulos mais conhecidos, Metroid sempre foi considerado desde dos tempos do Nes, um título sombrio, apesar de não rolar banhos de sangue. Um título mais adulto da própria Nintendo para DS que ganhou alguma notoriedade foi Hotel Dusk, uma novela interativa de investigação.

Last Window, o segundo episódio de Hotel Dusk para DS

Para este ano ambos os títulos retornarão, o Wii receberá um novo Metroid, pelas mãos do Ninja Team (dos 3 Ninja Gaiden 3d), e o DS recebe o segundo Hotel Dusk – Last Window. Quem também vai retornar este ano com seu episódio mais dark é Legend of Zelda.

Mas o que mais me surpreendeu é uma nova série, sim de vez em quando eles acabam soltando uma: Zangeki no Reginleiv, ainda sem título ocidental. O jogo que se passa num universo de fantasia medieval vai ser a primeira vez que um jogo sangüinolento vai levar a marca da Nintendo.

Você não esperava um churrascão mal passado desses com a marca da Nintendo

Ainda em tempo, já que falamos de sangue, apesar de ser um jogo da SEGA / Platinum Games, há rumores de uma continuação de Mad World, o que eu gostaria muito já que o original é ótimo.

Publicidade